4 de abril de 2008

UM SR. BIGODE II

Directamente das festas de Ponte da Barca em Agosto de 2007, apresento-vos um magnífico exemplar com pilosidade sobre o lábio superior. Este belo bigode rematado com duas patilhas dá ao portador da obra de arte um aspecto simultaneamente viril e requintado. O fio "d'oiro" e a exótica camisa conferem a masculinidade e elegância que se exige a um macho latino.

2 comentários:

JGP disse...

Rrrrrrr...

António Lopes da Costa disse...

Lembrei-me de vocês porque fui hoje a um certo e determinado jogo e vi a chegada de uma certa e determinada equipa. Na linha da frente, vinham vários bigodes. Ou senhores bigodes. Lembro-me do Chalana, e depois do Vieira e depois das adeptas do Benfica. Bem, está bem que nessas o bigode é normal e é quase factor de aceitação entre os adeptos desse clube. Mas os bigodes que vi hoje, e foram tantos(!), fizeram-me ver que há, em Portugal, pessoas capazes de concorrer com grandes bigodes como o de Quim Barreiros.