4 de outubro de 2007

DUELO DE TITÃS

Artur Jorge. Quim Barreiros. Dois nomes incontornáveis do bigode mundial. Um treinador de futebol e um cantor e acordeonista (ambos de renome internacional) vão na frente com 8 votos cada.

É entre estes dois que aparentemente se decidirá o título de bigode universal. A não ser que Ned Flanders mantenha o seu nível de recuperação que dura desde há uns dias e recupere em relação ao pelotão.

Mais uma vez, nunca é demais apelar ao voto, já que a direcção acordou prolongar por mais uma semana o período final de votação para o bigode universal.

Aproveito também para fazer um pedido de desculpas aos cidadãos Zezé Camarinha e Rodolfo Moura pela sua ausência no lote inicial de nomeados. O primeiro deveu-se à dificuldade de encontrar fotografias suas na net, e o segundo foi por puro esquecimento.

1 comentário:

DGC disse...

E Artur já vai na frente!